Fôlder EM FAMÍLIA DEFENDEMOS A VIDA! Com alegria e esperança (Pack com 500 folders)

Fôlder EM FAMÍLIA DEFENDEMOS A VIDA! Com alegria e esperança (Pack com 500 folders)

Marca: Edições CNPFModelo:SNV 2019

Carregando...
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

Pacote com 500 unidade do folder Em família defendemos a vida! Com alegria e esperança. produzido pela Comissão Nacional da Pastoral Familiar-CNPF e apresenta gostos concretos para realização durante a abertura e encerramento da Semana Nacional da Vida 2019:

A Igreja no Brasil celebra, a cada ano, na primeira semana de outubro, a Semana Nacional da Vida e o dia do Nascituro. A iniciativa é organizada pela Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB, através da Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF). As celebrações da Semana Nacional da Vida ocorrem de 1º a 07 de outubro e terminam com as celebrações do Dia do Nascituro, no dia 08 de outubro. A Semana Nacional da Vida é uma ação que busca conscientizar os católicos sobre o direito à vida, desde o nascimento até seu m natural.

Gestos de ALEGRIA e ESPERANÇA!
Além das atividades previstas para Semana Nacional da Vida nas (Arqui)dioceses, paróquias ou comunidades, queremos propor duas ações públicas que possam acontecer em todo Brasil no mesmo dia e horário, demonstrando a força de mobilização em prol da vida, desde a concepção até seu m natural.

Sinal da Alegria: No dia 01 de outubro, abertura da Semana Nacional da Vida, façamos ressoar os sinos de todas as Igrejas no Brasil, sempre às 12, 15 e 18 horas acompanhado da Oração do Nascituro (Verso deste fôlder), simbolizando assim a alegria em celebrar e valorizar a vida.

Sinal da Esperança: No  dia 08 de outubro, dia do nascituro, em um gesto de propagação da Luz de Cristo para que possa iluminar e proteger as vidas vulneráveis e indefesas, possamos acender o maior número de velas, e juntamente rezar a  Oração do Nascituro (Verso deste fôlder). Um momento de devoção e unidade com toda a Igreja no Brasil. 

O local poderá ser em frente a uma Igreja, praça pública ou lugar que seja oportuno. Sugere-se que a comunidade local se mobilize e realize ações adicionais, de acordo com a sua realidade, como procissões, passeatas, oração do Santo terço e outras, unindo-se às demais pastorais, movimentos e serviços presentes na comunidade.

Os horários e ações adicionais das comunidades serão denidos pelos organizadores

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

    Confira também